Adeus, Photoshop? Na França, revistas terão de avisar se usarem retoques digitais nas fotos 

Lei passa a valer a partir de 1º de outubro e vale para marcas e publicações de todo tipo 

Acabou a enganação! Entrará em vigor, a partir do dia 1º de outubro, uma lei aprovada na França em 2015 que determina que marcas e publicações de todos os tipos são obrigadas a avisar leitores e clientes sobre uso de photoshop em  imagens de modelos. O uso das fotos com retoque digital não está proibido, mas precisará ser sinalizado. A ideia é evitar que a mídia e a propaganda mostrem tipos físicos fora da realidade e impossíveis de serem alcançados por pessoas comuns. As multas para quem violar a nova lei podem chegar a 37,5 mil euros, ou R$ 129,7 mil. 

Photoshop faz milagres! Compare os famosos nas capas de revistas e na vida real

Com photoshop, mulheres reais viram capas de revista. Veja a reação delas

Zilu admite uso de Photoshop em clique de biquíni

Relembre os erros mais bizarros dos 25 anos do editor de imagens

Beleza real! Veja doze famosas que dão lição de autoestima

A decisão chega na boca do lançamento das "edições de setembro", quando a indústria da moda coloca nas bancas as publicações mais importantess do ano, o que deve causar um rebuliço no mercado. Mesmo polêmica, a lei tem apoio de muitas famosas, que já se manifestaram contra o uso de retoques em suas imagens, como Lord e Nicki Minaj. No Brasil, muitas celebridades já foram vítimas do photoshop das revistas e as reclamações têm sido constantes. Confira na galeria quem já reclamou ao ver suas imagens manipuladas.